Campeonato da Europa – Legnica 2018

 

Após a fase de qualificação os resultados dos nossos atletas foram os seguintes :

Compounds Homens ( 90 participantes ) :

52º Nuno Simões – 682 pontos

58º Cláudio Alves – 679 pontos

75º Carlos Resende – 669 pontos

Por equipas alcançaram o 21º lugar em 27 equipas, com 2030 pontos, batendo o record nacional por 5 pontos.

Recurvos Homens ( 105 participantes ) :

32º Luis Gonçalves – 654 pontos

36º Diogo Ramos – 651 pontos

67º Tiago Matos – 630 pontos

Individualmente todos os atletas bateram o seu record pessoal .

Por equipas alcançaram o 14º lugar em 29 equipas, com 1935 pontos, batendo o record nacional por 48 pontos.

Na fase de eliminatórias os resultados foram os seguintes :

Recurvos Homens (105 atletas)

Luis Gonçalves ( 32º ) competiu com Vladimir Hurban Jr da Eslováquia ( 81º ) e venceu por 6-4 com os parciais de 27-25, 25-28, 28-26, 27-24 e 28-23. Nos 1/24 de final competiu com Marco Galiazzo da Itália ( 33º ) antigo Campeão Olímpico individual em 2004, em Atenas e Campeão Olímpico por Equipas, em 2012, em Londres, tendo perdido por 0- 6, co parciais de 28-29,  23-25 e 25-29. Luis Gonçalves acabaria a competição em 33º lugar.

Diogo Ramos ( 36º ) competiu com Matija Mihalic da Croácia ( 77º ) e perdeu por 2 -6 com os parciais de 27-24, 25-27, 18-27 e 25-28 , acabando a competição em 57º lugar.

Tiago Matos ( 67º ) competiu com Jonathan Andersson da Suécia ( 46º ) e perdeu por 4-6 com os parciais de 24-25, 26-24, 24-25, 27-26 e 25-27 , tendo terminado no 57º lugar.

Compounds Homens (90 atletas)

Nuno Simões ( 52º ) competiu com Filip Szelag da Polónia ( 61º ) e venceu por 145-143, com os parciais de 30-27, 27-28, 29-30, 30-28 e 29-30. Nos 1/24 de final competiu com Sebastien Peineau da França ( 13º ), tendo empatado a 144, perdendo no shot off por 9-10x. O francês acabaria em 9º lugar. Nuno Simões terminou a competição em 33º lugar.

Cláudio Alves  ( 58º ) competiu com Evert Ressar da Estónia ( 55º ) e venceu em shoot-off por 10-9, após terem ambos feito 141, com os parciais de 29-27, 29-28, 29-30, 29-28 e 25-28. Nos 1/24 de final competiu com Federico Pagnoni da Itália ( 10º ), tendo perdido por 146-148. O italiano acabaria em 3º lugar. Cláudio Alves terminou a competição em 33º lugar.

Carlos Resende ( 75º ) competiu com Vili Toivanen da Filândia ( 38º ) e perdeu por 141-144 com os parciais de 27-30, 28-27, 29-28, 27-29 e 30-30, tendo terminado a competição em 57º lugar.

A FPTA dá os parabéns pelos resultados obtidos.